49 99177-1178   contato@pedrosaprevidencia.com.br

CONTATE O ESCRITÓRIO ONLINE!

ENTREVISTAS COM VIGILANTES

  • Início
  • -
  • ENTREVISTAS COM VIGILANTES
  • Vilson Pedrosa
  • 11 de setembro de 2019

CONHEÇA AGORA OS DOIS VIGILANTES MAIS ANTIGOS DO BRASIL

 

Nos tempos de hoje é muito difícil encontrar profissionais que sigam um longo tempo em atividade na mesma área.


A carreira de um vigilante não é diferente.

 

Marcada por situações de risco e salários baixos em algumas ocasiões, precisa acima de tudo demonstrar muita seriedade no exercício da sua profissão.


Essa é uma das tantas qualidades que Luiz na foto à esquerda, com 43 anos em atividade e o catarinense Norivaldo na foto à direita, com 49 anos de atuação, demonstram diariamente.

No post de hoje iremos te contar um pouco do que conversamos com estes verdadeiros guerreiros da segurança privada no Brasil.

Norivaldo Mendonça Fernandes, natural de Lages, nascido em 20 de março de 1949, foi o primeiro colocado na pesquisa pelos vigilantes em atividade mais antigos do Brasil.


Também o primeiro deles a falar conosco.


Norivaldo conta que começou trabalhando como guarda de rua, passou pelo INSS em Lages, e agora há mais de 20 anos está em uma Agência do Banco do Brasil em Lages.

Ele descreve no parágrafo abaixo, alguns momentos de sua trajetória.


" Vejo que antigamente a profissão do vigilante era mais valorizada, se pagava melhor. Eu sempre gostei muito do que fiz, sempre me dediquei ao meu trabalho, mesmo depois da minha aposentadoria. Já tive momentos perigosos na profissão, mas é pra isso que estou, para defender a população de assaltos e confusões", comentou.


Norivaldo destacou também as mudanças que aconteceram no transporte de valores e também se mostrou ciente da reforma que acontecerá no Estatuto da Segurança Privada.


E o nosso segundo colocado em tempo de serviço como vigilante, é Luiz Aparecido Dixie. Natural da cidade de Itapuí, da região de Campinas em São Paulo, ele já tem 46 anos de serviços prestados para segurança privada e também nos relatou um pouco de sua história.


" Atualmente tenho 66 anos, e continuo com muita disposição para fazer o que gosto. Comecei a trabalhar em dezembro de 1973, na extinta Caixa Econômica do Estado de São Paulo, pela empresa de segurança Alerta. Eu continuei trabalhando, mesmo com todas as mudanças de empresas, e da antiga Caixa para atual Banco do Brasil, que faço parte. Enfim, hoje com 66 anos de idade, continuo morando e trabalhando no mesmo lugar, e com muito orgulho nunca recebi nenhuma advertência em meu trabalho", concluiu.


Além destes dois personagens marcantes da Segurança Privada no Brasil, existem diversos outros que já há décadas estão prestando esse importante serviço à comunidade e que poderão futuramente aparecer por aqui.


Gostou de conhecer um pouco da história destes vigilantes?

 

Então não perca seu tempo, compartilhe e vamos elevar o nível de informação da categoria, você já sabe, vigilante informado é profissional valorizado!


Tem alguma dúvida? Então, envie uma mensagem usando o link do escritório online que te responderei.


>>>>>http://2a901a6.contato.site/escritorio-online<<<<<

 

Forte abraço!

Pedrosa

 

Veja mais:

VIGILANTE TEM VALOR?

 

VIGILANTE, É HORA DE SE ORGANIZAR!

 

O ESTATUTO DA SEGURANÇA PRIVADA VAI SALVAR O VIGILANTE?

 

Entre em contato conosco pelo nosso e-mail: contato@pedrosaprevidencia.com.br

Deixe sua opinião nos comentários do post,
Inscreva-se no Canal do Youtube da Pedrosa Previdência ou
Curta nossas publicações no Instagram e na nossa Fanpage!

 

 

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS


Fale Comigo!
WhatsApp

Receba novidades

Canal do Youtube

 

Instagram

/Pedrosa Previdência

Curta Nossa Página