49 99177-1178   contato@pedrosaprevidencia.com.br

CONTATE O ESCRITÓRIO ONLINE!

Acidente de Trabalho

  • Vilson Pedrosa
  • 16 de julho de 2019

SAIBA 6 SEGREDOS SOBRE OS EFEITOS DO ACIDENTE DE TRABALHO DO VIGILANTE

O que poucos sabem, você ficará sabendo neste post.

O Brasil é campeão de acidente de trabalho! Isto se deve ao fato cultural de as empresas serem negligentes com as condições em que o trabalho é desenvolvido.

O acidente de trabalho tem 6 (seis) desdobramentos que iremos descrever a seguir:

 


CÓDIGO DO INSS

 


Primeiro segredo: Quando ocorre um acidente de trabalho, que o vigilante fica incapacitado por mais de 15 dias,  é encaminhado para receber o benefício de auxílio- doença. O código do auxílio doença tem quer ser B-91, que corresponde ao auxílio-doença acidentário.

Prestar atenção para que o INSS não enquadre como B-31, que é o auxílio-doença comum.

 



ESTABILIDADE

 

 

Segundo segredo: Quando retorna do auxílio-doença tem estabilidade no emprego por 12 meses. Aqui está a importância do Código ser B-91, pois muitas vêzes, ocorre um pequeno acidente, que não é emitido a CAT - Comunicação de Acidente de Trabalho - por parte da empresa, e o benefício é encaminhado como se fosse comum pelo INSS. Havendo atenção, pode ser corrigido e garantido este importante benefício.


 


INDENIZAÇÃO

 

 

Terceiro segredo: Conforme a CLT - Consolidação das Leis do Trabalho, no art. 157, constitui obrigação do empregador cumprir e fazer cumprir as normas de segurança e medicina do trabalho. Verificando que a empresa teve culpa, por negligência, imprudência  ou imperícia quanto às condições em que trabalho é realizado, cabe pleitear indenização na Justiça do Trabalho.

 



AUXÍLIO-ACIDENTE

 

 

Quarto segredo: Se retornando do auxílio-doença o vigilante ficar com sequelas consolidadas, que reduzam a capacidade de trabalho de forma permanente, vai gerar direito ao auxílio-acidente, no valor de 50% do valor que recebeu no auxílio-doença. Este benefício vai receber até quando se aposentar e o valor integra a base de cálculo para definir a renda mensal da aposentadoria.

 

 

FGTS

 


Quinto segredo: No período de afastamento do auxílio-doença a empresa tem que depositar o valor do FGTS, como se o vigilante estivesse trabalhando.

 



13º - Décimo Terceiro Salário

 

 

Sexto segredo: O período de afastamento por auxílio-doença acidentário obriga a empresa a complementar o valor que o INSS vai pagar, de modo que o 13º salário, seja integral.




Gostou dos 6 segredos?

Não mantenha mais sigilo, não guarde só para você.

Revele  aos grupos que participa e entre seus amigos!  Seja um fofoqueiro do bem!

 



Tem alguma dúvida? Entre em contato pelo nosso escritório on line:
http://2a901a6.contato.site/escritorio-online

 

 


VEJA TAMBÉM: 

 

REFORMA DA PREVIDÊNCIA AVANÇA E TIRA APOSENTADORIA ESPECIAL DO VIGILANTE
 


APOSENTADO POR INVALIDEZ VAI SER CHAMADO PARA O PENTE FINO DO INSS?




O FIM DA APOSENTADORIA ESPECIAL É O FIM TAMBÉM DOS 30% DE PERICULOSIDADE
 

 


Saúde e prosperidade para você!



Pedrosa



Entre em contato conosco pelo nosso e-mail: contato@pedrosaprevidencia.com.br
Deixe sua opinião nos comentários do post,
Inscreva-se no Canal do Youtube da Pedrosa Previdência ou
Curta nossas publicações no Instagram e na nossa Fanpage!

 

 

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS


Fale Comigo!
WhatsApp

Receba novidades

Canal do Youtube

 

Instagram

/Pedrosa Previdência

Curta Nossa Página